Fato: dos 35 anos em diante os homens perdem gradualmente massa muscular e capacidade de ganho de força. Isso ocorre principalmente pela redução dos níveis de testosterona, um dos mais importantes hormônios masculinos. Fake: construir músculos nessa fase é praticamente impossível, independentemente dos estímulos e do seu histórico ao longo da vida.

Envelhecer é inevitável, você não pode controlar isso. Durante décadas, médicos, cientistas e o senso comum – seus amigos de bar – acreditaram que também não seria possível controlar, da forma como gostaríamos, a velocidade com que o declínio físico acontece. Agora, a ciência provou o contrário.

Pesquisadores da Universidade de Oklahoma compararam homens de diferentes idades que seguiram exatamente o mesmo programa de atividade física durante oito semanas. Eles constataram que entre 35 e 50 anos de idade eles conseguem construir músculos tanto quanto entre 18 e 22.

+ Aprenda a dosar as ‘gorduras do bem’ para perder peso e ganhar músculos
+ Como ganhar massa muscular sem colocar um bife no prato

Mas então por que é tão difícil ganhar músculos depois dos 40? “A partir dos 35 anos acontece um declínio de alguns hormônios nos homens, especialmente a testosterona e a DHEA, muito importantes para a regeneração muscular e a manutenção de massa magra”, explica o endocrinologista e médico do esporte Guilherme Renke.

“Apesar desta queda gradual ser fisiológica, acredita-se que, quando associada a sintomas como redução da libido, possa indicar uma situação chamada hipogonadismo”, explica a cardiologista e médica do esporte da Care Club, Renata Castro. “Nesses casos, o homem deve ser tratado com reposição de testosterona. Esta reposição, quando bem indicada, permite que a perda de massa muscular não seja tão pronunciada. Entretanto, não é indicada para todos os homens acima de 40 anos”, completa.

A perda muscular relacionada à idade, chamada sarcopenia, é uma parte natural do envelhecimento. Na fase pós-trinta, os homens perdem, em média, de 3% a 5% de massa muscular por década. A maioria perderá cerca de 30% durante a vida. “Mas isso acontece por uma combinação de motivos. O declínio hormonal é apenas um deles”, reitera Renke.

Uma pesquisa feita pelo Ministério da Saúde revelou que a porcentagem de homens brasileiros que praticam no mínimo 150 minutos de atividade física moderada por semana despenca de 50,9% na faixa etária dos 25 aos 34 anos para 35,7% entre os 45 e 54. Mais um probleminha: “geralmente, aqueles que não reduzem a frequência da atividade física costumam reduzir a intensidade”, salienta Renke.

 

Fonte: https://gq.globo.com/Corpo/Saude/noticia/2019/02/como-ganhar-musculos-depois-dos-40-anos.html