8 dicas práticas para melhorar o equilíbrio emocional

dicaspraticas

O maior desejo de quem está sofrendo é o de ser uma pessoa equilibrada. O equilíbrio ocorre através da interiorização do contato com a sua voz interior. Manter o equilíbrio implica em cuidar do seu estado espiritual e do seu estado físico de uma forma integral, a partir de práticas simples que podem observadas no dia a dia através do relacionar-se e da observação.

Para manter o estado físico em equilíbrio é estar atento à sua alimentação, dê preferência à alimentos naturais e que sejam cozidos na hora de você se alimentar. Cuide do seu corpo através de atividades físicas aliados à Respiração Consciente. A respiração é um item importante para manter o equilíbrio.

Para que você aplique no seu dia a dia o equilíbrio. Neste artigo te darei dicas simples para manter o seu estado espiritual em equilíbrio. Mantendo a consciência no Presente e trazendo a meditação para o seu dia a dia.

8 dicas simples para manter o equilíbrio:

1 – Honestidade: seja honesto consigo mesmo. Ao ser honesto consigo mesmo, você será aos seus ideais e valores. Rompendo com as mentiras em todas as suas manifestações.

2 – Impecabilidade da palavra: a sua palavra é o seu poder de criação, pela palavra tudo se manifesta, o que sonha, o que sente e o que realmente é. E esta é a ferramenta mais forte que você tem como ser humano.

3 – Autoresponsabilidade: este é um dos pilares do autoconhecimento. Ser consciente, é ser responsável e sair do jogo de acusações e de vitimismo. É qualquer coisa que você faça, pense ou sinta que vai contra você mesmo. Estamos aonde nos colocamos, ao perceber isso, retiramos a acusação sobre o outro para descobrir que a raiz do conflito está dentro de nós.

4 – Não leve para o lado pessoal: levar para o lado pessoal é concordar com o que o outro está dizendo. Levar para o lado pessoal é ser egoísta porque é acreditar que tudo é sobre você. Nada que as pessoas dizem ou fazem é sobre você. É sempre sobre ele mesmo, pois cada um está vivendo o seu sonho, o seu mundo. O que os outros fazem, pensam ou sentem, vem dos acordos que eles têm com a mente e dos programas deles.

5 – Gentileza: a gentileza é fundamental pois ela envolve empatia compaixão e paciência. Quando existe consciência do propósito maior sobre suas ações, você é gentil, pois todos merecem respeito e compaixão.

6 – Não fazer suposições: quando fazemos acreditamos que elas são verdadeiras. Só vemos e escutamos o que queremos ver e escutar. Não existe percepção real das coisas. A mente humana funciona através de justificativas, quer entender e explicar tudo, para que possamos nos sentir seguros.

7 – Dedicação: é muito fácil cair, muito fácil se esquecer. Muitos tiveram vislumbres de honestidade, de autorresponsabilidade e gentileza, mas quando menos esperam, estão repetindo os velhos padrões. Por isso, é preciso muita dedicação, muita intencionalidade, para estar sempre se reerguendo, relembrando do propósito, e recomeçando. Isso é dedicação.

8 – Sempre faça o melhor que você puder: este item está ligado com a ação. Sempre faça o seu melhor, nem para mais, nem para menos. Lembre-se que tudo está sempre em constante mudança. As vezes o seu melhor vai ser de qualidade bem alta, as vezes não. A ação de fazer o melhor que você puder vai te deixar imensamente feliz e fazer o melhor é fazer por Amor.

Procure praticar através da observação. Observar é meditar, é assim que trazemos a meditação para o dia a dia.

Se tiver dúvidas, entre em contato comigo! Você também pode me seguir em minhas redes sociais Instagram, Facebook e Youtube.

Nos vemos em breve.

Gratidão. Namastê.

Por: Juliana Sato
Psicóloga e Coach de Meditação