Nutrição Esportiva

Nutrindo-Ideais-imagem-folder

A nutrição esportiva é especial e específica para organismos que farão uso de uma quantidade maior de nutrientes, terão uma perda maior de calorias e que utilizarão muito mais a energia corporal.

Não importando qual atividade será desenvolvida, a ingestão de água é fundamental para o bom rendimento do atleta. Vale lembrar que o ganho de massa muscular magra e a perda de gordura são resultados de uma alimentação saudável, super balanceada e frequente, ou seja, de 3 em 3 horas. Essa ingestão faz toda diferença na medida em que o organismo, sempre moderadamente saciado, queima rapidamente os nutrientes para que possa receber ainda mais ao longo do período.

Listamos alguns alimentos indicados e suas principais características, porém mais importante que possuir essa lista é realizar uma avaliação para medir sua gordura corporal, seu nível de gasto calórico e dessa forma definir a dieta adequada ao seu metabolismo de acordo com a atividade física que você desenvolve.

Carboidratos: são encontrados nos cereais, frutas, massas, batata, mandioca, pães, etc. Esses alimentos devem estar com maior frequência em seu cardápio pois fornecem muita energia, disposição, e dão volume aos músculos. Além disso, eles participam ativamente na recuperação do corpo após os exercícios, momento importantíssimo para a fixação dos benefícios das atividades;

Proteínas: estão nas carnes, aves, peixes, ovos, leite e derivados, soja e feijões. São extremamente importantes para a construção e reparação dos músculos. Como a necessidade desse nutriente é facilmente alcançada, fique atento e não exagere no consumo desse grupo de alimentos;

Lipídios: Encontram-se no azeite, oleaginosas, abacate, peixes gordurosos, sementes, leite integral, queijos amarelos, manteiga/margarina, frituras, carnes gordas, doces cremosos, etc.
Esses alimentos devem estar em menor quantidade em seu cardápio, mas não é necessário excluí-los radicalmente pois as gorduras têm muitas funções essenciais no organismo e metabolismo, além de colaborar com o fornecimento de energia para o exercício e recuperação. Uma boa dica é: sempre prefira fontes de gordura vegetal e peixes, são as chamadas gorduras boas, sua ingestão é mais fácil e não causam danos ao organismo;

Vitaminas e Minerais: Ambos são importantíssimos, pois possuem  função de organizar  o metabolismo e ainda por cima ajudam na queima de gordura, na formação de energia, na qualidade dos ossos e órgãos, no aumento da síntese proteica e alguns são inclusive antioxidantes. Além de muito saboroso e revigorantes, o consumo diário de alimentos frescos e naturais como o das verduras, legumes, frutas, cereais, ovos, leite e derivados, sementes, carnes e aves são uma delícia;

Líquidos: Os mais importantes, saudáveis e gostosos são a água, os suco naturais, água de coco, sopas, iogurtes, leite, gelatinas, etc.; Beba bastante líquido durante todo o dia, seu organismo receberá um verdadeiro impulso para funcionar com mais intensidade e qualidade.

Quer mais dicas sobre alimentação e condicionamento físico? Marque uma avaliação conosco e aproveite muito mais o que o seu corpo tem pra oferecer.